Três Mosqueteiros

Minha Vida com os Trigêmeos

Tarefa de casa

Toda sexta a tarefa de casa vem numa sacolinha. Vem um livro e uma pasta de plástico com duas folhas, uma com cabeçalho e espaço para que eles façam um desenho sobre a leitura e outra com uma atividade.

Cada um traz um livro diferente e o Caco lê a historinha para cada um deles. Um por um, escutam a história e depois vão pra mesa fazer as atividades. Ali, eu oriento e ajudo e no que for preciso. Quando o Caco termina a última história e as instruções da atividade, ele ajuda na mesa também.Os meninos curtem bastante o momento tarefa, capricham o máximo que podem. E a gente adora, claro. É uma delícia ver a disciplina, a concentração e a dedicação deles.

A principal dica que posso dar para ajudar quem tem crianças nessa fase se resume em uma palavra: rotina. Tornar o momento da tarefa um momento agradável e divertido é fundamental para que eles gostem cada vez mais desse compromisso.

Outras dicas são:

  • Determinar um horário fixo para a realização da tarefa – aqui em casa todos fazem tarefa no mesmo horário;
  • Estar disponível para ajudar os pequenos – por aqui, eu e maridinho ficamos por conta da atividade do início ao fim;
  • Determinar um local fixo e adequado para fazer a tarefa – aqui, instalamos uma bancada na sala de brinquedos mesmo. Conforme vão terminando podem brincar, mas nada de tv ligada até que todos tenham terminado;
  • Incentivar que um ajude o outro – é uma graça como eles se ajudam. Seja emprestando giz e canetinhas, seja dando palpites no desenho e na atividade do outro, eles interagem e trocam informações o tempo todo. Depois de terminado, a gente incentiva que um conte para os outros a história que ouviu com as suas palavras (tudo bem, nem sempre estão interessados, mas o importante é incentivar);
  • Elogiar sempre, sempre, sempre, mas corrigir quando houver erros e ser firme para que a atividade seja terminada por completo.

Fiquei preocupada quando a tarefa veio pela primeira vez, afinal eles ainda não tinham nem 4 anos! Mas o tempo foi mostrando o quanto é importante a criança já assumir responsabilidades e o quanto eles aprendem com isso. Na verdade, acho que não faz diferença quando a tarefa é inserida na vida da criança, mas sim a maneira como isso é feito.

Por aqui, tem dado super certo e eles nunca se mostraram resistentes ao dever de casa. Sei que vai chegar uma fase em que darão trabalho, não capricharão tanto, mas, por enquanto, a gente só tem escutado “Eu adoro tarefa! Eu adoro matemática!” Vamos ver até quando…

Anúncios

No comments yet»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: