Três Mosqueteiros

Minha Vida com os Trigêmeos

Filip

É simples, é um relógio, um celular e um localizador na mesma pulseira. Vem aqui ou assista o vídeo e veja como isso funciona.

De imediato achei perfeito, o sonho de consumo de toda mãe. Mas agora me pergunto: será que saberemos lidar com isso? Quais as consequências desse controle todo? E a responsabilidade da criança de sempre se preocupar com os pais e avisar onde está, com quem está?… “será que eu posso? ah, qualquer coisa minha mãe me liga, então não preciso nem avisar que estarei na casa do fulano…”, “Ela vê no GPS e descobre onde estou…”.

E quanto aquelas situações que precisam ser vividas para que a bronca aconteça e a criança aprenda com o que foi vivido?… E quanto à privacidade da criança? E quanto ao seu direito a ter segredos? E o seu direito de testar limites? De se acostumar a ser e estar sem os pais o tempo todo? (já falei disso há uns anos aqui e mantenho minha posição). E na hora do jantar: “Não preciso dizer o que fiz, nem onde estive, afinal, já conversamos o dia todo, meus pais já sabem como foi o meu dia.” Enfim, trata-se de um relógio modernoso ou de uma algema? Alguém aprende alguma coisa sendo controlado e vigiado o tempo todo? Ok, tem gente que tem essa necessidade, precisa publicar nos faces da vida aonde está, o que está fazendo, o que está comendo, etc, mas esse comportamento é escolhido. É diferente da criança que ganha o relógio é obrigada a usar, é bem diferente. Quem e como serão os adultos que usaram essa geringonça na infância?

Pensando bem, acho que as crianças saberão como usar essa tecnologia (nem que seja quebrando o aparelhinho ou esquecendo em casa, será?), já os pais (e me incluo nessa) terão que aprender e muito.

Mas que fique claro, apesar de tudo, ainda quero três desses! 😉

********

Menos de um mês para o natal. Tô esperando a obra acabar (semana que vem, se Deus quiser!) para arrumar a casa como manda a data. Algumas coisa mudaram do Natal passado para o desse ano: eles mesmos escreveram as cartinhas para o papai Noel e já têm chulé! Ah, e acho que esse é o último ano do papai Noel bizarro de óculos escuros e mudo que vem trazer os presentes… estão espertos demais pra isso. 😦

Anúncios

1 Comentário»

  ENPM wrote @

Acho que eu não conseguiria usar. tive a mesma impressão que você, que bacana! Mas eu acho que “ver” tudo que os filhos fazem tira muita coisa das “asinhas” deles. Os filhos necessitam saber balançar-se na vida para poder seguir firmes nela sem coisinhas assim. Penso eu. Falo por mim. Quem curte, o mundo é livre e cada um cuida de seu mundo 😀 Temos de aprender a lidar com o gosto de todos. Ah, o Natal, nem me fale Chris… Nem me fale… Quero ir pra algum país que não exista Natal… beijos rs


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: