Três Mosqueteiros

Minha Vida com os Trigêmeos

Arquivo para Copa do Mundo

No clube de campo

Pois bem, enquanto os rapazes do Dunga choravam a derrota na Copa, meus rapazes treinavam pesado aqui no clube.

Joaquim, vôlei. Antônio, futebol. E Oscarzinho, gargalhadas na gangorra.

Saíram do treino exaustos! Mas ainda aguentaram uma festa junina à noite.

Fim da nossa Copa

Há alguns minutos o Brasil saiu da Copa do Mundo. Começou ganhando o jogo, dessa vez contra a Holanda, mas perdeu por 2 a 1. Assisti na minha mãe, o Caco no trabalho e os meninos na escola. A cidade está deserta, um silêncio absurdo e enquanto o luto reina lá fora, aproveito para passear um pouquinho por aqui.

É uma pena, além da comoção nacional, eles estavam tão empolgados, gritando “Gooooollll!” e “Brasil!” a cada bandeira que viam. Letícia, então, aprendeu até a colocar a mão no peito na hora do hino nacional. Fofa!

 Bom, agora vou arrumar umas coisinhas porque daqui a pouco tenho que pegar os meninos. Faremos um piquenique no clube. Não posso esquecer a bola! Já a jabulani…

Gol… Brasil!!!

Joaquim dando sorte pra nossa seleção no jogo contra a Costa do Marfim (3×1).

Copa dos vuvuzelos

O que faz mais barulho, os mosqueteiros ou as vuvuzelas da África do Sul? Claro que são os meninos! E nem precisa estar em época de Copa para que eles gritem.

Hoje já é o segundo jogo do Brasil e eu ainda não postei nada sobre a Copa do Mundo de 2010… Então, vamos lá.

Os preparativos

Tudo organizado. Os mosqueteiros ganharam camisas, bandeiras, apitos e afins. Ensaiaram o grito de “Gol do Brasil!!!” quatrocentas e setenta e duas vezes e quando andam pela cidade vão falando “Brasil, Brasil, Brasil…” para cada bandeira que encontram, ou seja, é um “Brasil” a cada segundo. A escola está toda enfeitada e as educadoras fizeram essas lindas mãozinhas para os pequenos torcerem pela nossa seleção.

A estréia

Brasil (2) X Coreia do Norte (1). Assistimos só nós cinco aqui em casa. Isso mesmo, muita coisa mudou depois dos trigêmeos… rs. Passei o primeiro tempo olhando para o jogo, para o marido dormindo à minha direita e para os trigêmeos dormindo à minha esquerda. Lamentável! Uma casa com quatro homens e uma mulher e adivinhem quem assistiu o jogo inteiro? Meus quatro hominhos resfriados e baleados apagaram. No segundo tempo, o trio acordou, o marido não. Os mosqueteiros ficaram por ali, assistindo comigo, gritando “Gol do Brasil!” toda hora e brincando com seus brinquedos. Já o marido continuou dormindo… Pra falar a verdade ele não perdeu muita coisa, né. Antes de terminar o jogo eu também já tinha descido pra fazer outra coisa. Detalhe para o comentário facebookico do tio Gui “Maicomo ele fez esse gol???”

Vamos ver se com o passar do tempo a gente vai entrando de fato no clima da Copa. O próximo jogo é hoje, domingo, contra a Costa do Marfim. Antônio já acordou nos lembrando “Jogo do Brasil!”. Esse promete ser mais animado. Veremos…

%d blogueiros gostam disto: